Coordenadora da Mulher passa a integrar a Cátedra Unesco/UFGD

Publicado em: 11/07/2018 às 18h00

Assessoria/TJMS

A juíza Jacqueline Machado, da 3ª Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Campo Grande, passou a integrar o rol de colaboradoras/pesquisadoras da Cátedra UNESCO/UFGD Diversidade, Cultura, Gênero e Fronteiras. 
 
A magistrada, que é a coordenadora da Mulher de MS, já implementou diversos projetos de proteção às mulheres e de igualdade de gênero, além de fomentar o debate com palestras e a realização de simpósios.
 
Jacqueline se disse honrada pela indicação de estar entre os colaboradores e pesquisadores da Cátedra da Unesco/UFGD. “Esta é a única Cátedra com este mote de gênero existente no Brasil, e está sob a coordenação do professor Losandro Tedeschi, pessoa com grande conhecimento que pode contribuir com o trabalho da Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar de MS”, explicou a juíza.
 
A cátedra é a autorização da Unesco a instituições que se destacam na pesquisa, extensão e produção de conhecimento em certas temáticas. No Brasil, esta é a única cátedra na temática de gênero e diversidade e vem contribuindo muito no ponto de vista da produção de conhecimento histórico, sociológico e de outras áreas. 
 
Jacqueline Machado é graduada em Direito pela Universidade de Passo Fundo (RS), especialista em Direito Público pela Universidade Noroeste do RS (UNIJUI) e é titular na 3ª Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Campo Grande, na Casa da Mulher Brasileira - especializada em Medidas Protetivas de Urgência. 
 
Desde 2017 é a coordenadora da Coordenadoria da Mulher do Tribunal de Justiça de MS, atuando em projetos em nível estadual e nacional de prevenção a violências contra as mulheres.