MS registra 4,5 mil casos de dengue e nove cidades com alta incidência

Dourados tem 118 casos. Município com maior ocorrência é Três Lagoas, com 1054,4 casos a cada 100 mil habitantes

Publicado em: 08/11/2018 às 09h50

Dourados Agora

Foto: Marcos Ribeiro

Em todo o Estado, foram vistoriados 49 mil casas para o controle da dengue

Subiu para 4.532 o número de notificações de dengue em Mato Grosso do Sul. Os dados são da Secretaria Estadual de Saúde, divulgados ontem (7). O número é mais da metade do que foi registrado durante todo o ano passado; 6.201 notificações. Em Dourados, a incidência, considerada baixa, é de 56,9 casos a cada 100 mil habitantes. Mesmo assim o município registrou 118 notificações da doença.

Nove cidades de MS aparecem com alta incidência de dengue. No topo do ranking está Três Lagoas com incidência de 1054,4 notificações a cada 100 mil habitantes. Em segundo lugar está Costa Rica com 801,7 casos a cada 100 mil habitantes, seguida de Coronel Sapucaia (424,5), Selvíria (420,1), Chapadão do Sul (404,6), Rio Verde de Mato Grosso (387,6), Antônio João (362,8), Jardim (357,4) e Iguatemi (337,0 a cada 100 mil habitantes).

Em MS, ações estão sendo realizadas para intensificar o combate à dengue, como a vistoria de imóveis. Durante o período de 28 de outubro a 3 de novembro foram fiscalizados 49 mil prédios.

Surto

A cidade de Ji Paraná, em Rondônia, está em alerta para o surto de dengue. De acordo com o LIRA - Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes Aegypti – realizado entre os dias 22 e 30 de outubro, a infestação predial está em 2,7% - percentual que, de acordo com o Ministério da Saúde, coloca o município em estado de alerta. O estado de Minas Gerais também começa a ficar em alerta.

No último levantamento foram registrados 25.559 casos prováveis de dengue, com oito óbitos confirmados e outros 11 em investigação. Outubro (1.066) representou o maior número de casos registarados no estado desde junho. Nesse período de chuvas e muito calor, os riscos aumentam e os órgãos de Saúde orientam que os cuidados com os quintais sejam redobrados e que os objetos que acumulem água sejam evitados.

O Ministério da Saúde tem informado que as ações de prevenção e combate ao Aedes aegypti são permanentes e tratadas como prioridade. Entre as medidas tomadas para combater o mosquito está a criação da Sala Nacional de Coordenação e Controle, que orienta e articula ações contínuas ao longo do ano com governos estaduais e municipais para combate ao vetor e monitora a situação epidemiológica e as atividades para enfrentamento do mosquito.

Além disso, os recursos para as ações de vigilância em saúde cresceram nos últimos anos, passando de R$ 924,1 milhões, em 2010, para R$ 1,94 bilhão em 2017. Para este ano, a previsão é que o orçamento de vigilância em saúde para os estados chegue a R$ 1,9 bilhão.







燕窝酒酿蛋与传统手工酒酿蛋的区别燕窝酒酿蛋。燕窝酒酿蛋采用的原料都是优质的纯天然有机食品,产品无任何激素,没有任何副作用产后丰胸怎么办。主要成份有:酒酿原汁、土鸡蛋、珍珠糯米、姜汁红糖、泰国野葛根等提取物。不仅顺应了女性健康丰胸的需求丰胸成功案例,而且还是目前为止唯一一款安全到哺乳期都能喝的丰胸产品。它就是时下最受女性喜爱的燕窝酒酿蛋粉嫩公主酒酿蛋