UFGD celebrou o primeiro contrato na Incubadora Tecnológica GDTec

Publicado em: 15/04/2019 às 21h34

Imprensa

Na sexta-feira, 12 de abril, a UFGD celebrou a assinatura do Termo de Pré-Incubação  realizado entre a GDTec (Incubadora de Empresas de Base Tecnológica) e a empresa Sistêmica Kovê SK, que estabelece a realização em conjunto do projeto da primeira incubadora tecnológica da Universidade.

O professor da Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Economia (FACE/UFGD) e Chefe da Divisão de Incubadoras e da GDTec, Luan Carlos Santos Silva, juntamente com a Pró-Reitora em exercício de Ensino de Pós-Graduação e Pesquisa (PROPP), Silvana Scalon, e a Coordenadora de Extensão da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEX), Flaviana Miranda de Sá, estiveram na reunião de formalização da assinatura do contrato.  

Também estiveram presentes na reunião, os representantes da empresa Sistêmica Kovê SK; Carlos Cardoso, Jessica Lucchetta e Fabrício Pereira.

O empreendimento estará situado na Unidade II da UFGD e será voltado para o controle biológico de pragas e o desenvolvimento da incubação poderá ser em até 36 meses.
 

TEXTO
Prof. Luan Carlos Santos Silva, Chefe da Divisão de Incubadoras e da GDTec, ao lado de Flaviana de Sá, Coordenadora de Extensão da PROEX


Para o Professor Luan Carlos, a GDTec é um órgão de grande importância para fomentar o empreendedorismo e inovação na UFGD e na região, através da transferência de tecnologia do conhecimento desenvolvido na Universidade para o setor produtivo. “A inovação se tornou o principal insumo para as empresas conseguirem se manter no mercado e a UFGD, através da incubadora, torna-se ainda mais empreendedora e inovadora”, disse.

O professor ainda completou que foram dois anos de muito trabalho até a consolidação da incubadora, entre a aprovação do regimento interno no COUNI, desenvolvimento da metodologia de incubação, edital de seleção, divulgação e prospecção de parcerias. Os próximos desafios são obter espaços físicos para os projetos incubados na modalidade residente e criar e aprovar a política de Inovação da UFGD.
 

Sobre a GDTec
Criada pela resolução nº 217 de 2017, a GDTec faz parte das 369 incubadoras de empresas que existem no Brasil, cada uma com seu foco específico de especialização. Nessa unidade, o foco é desenvolver projetos tecnológicos de universitários e da sociedade, voltados para inovação e que impactem o ambiente no sentido de melhorar as condições existentes. Para isso, além da infraestrutura, a GDTec oferece suporte através de materiais, palestras, workshops, apresentação de ferramentas de gestão, planejamento e afins, em consonância com a sua metodologia.