Danilo Garcia de Andrade, advogado de Najila Trindade, deixa o caso

Publicado em: 11/06/2019 às 07h40

Gazeta Esportiva

Danilo Garcia de Andrade, advogado de Najila Trindade, mulher que acusa o jogador Neymar de estupro, afirmou que abandonou o caso na noite nesta segunda-feira. O anúncio foi feito em entrevista ao SBT, e a “idoneidade moral” teria motivado a renúncia do mandato advocatício por parte do advogado.

Ele chegou a afirmar, na tarde desta segunda-feira, que deixaria o caso se Najila Trindade não apresentasse as provas até meia noite. O anúncio, porém, veio antes deste horário.

Em entrevista ao repórter Roberto Cabrini, veiculada na noite desta segunda, Danilo Garcia de Andrade afirmou: “Estou anunciando oficialmente nessa entrevista que devo me retirar do processo. Não sou mais advogado de Najila”.

Ainda segundo o advogado, Najila teria rastreado o tablet e afirmado que o aparelho encontrava-se na avenida do escritório de Danilo. Segundo ele, a modelo teria o acusado de ter planejado a invasão em seu apartamento.

Danilo é o terceiro advogado de Najila a abandonar o caso. Antes dele, José Edgard Bueno e Yasmin Pastore Abdalla também deixaram a defesa.

A modelo também foi procurada pela reportagem do SBT. Ao ser questionada sobre onde encontrava-se o tablet, ela espondeu:

“Eu queria muito saber. Invadiram meu apartamento assim quando as coisas deram confusão. Não sei (quem invadiu o apartamento), não posso acusar. Mas está nas mãos de Deus”.

Depois de ser questionada sobre fato de apenas digitais dela e de uma empregada terem sido encontradas na porta do apartamento, Najila chegou a afirmar ainda que a polícia estaria comprada.

“A polícia está comprada, né? Ou não? Ou eu estou louca?”, declarou a modelo.

O suposto vídeo seria um material importante na investigação, que, segundo a defesa de Najila, podeira conter provas contra Neymar. Apenas 66 segundos deste arquivo, porém, chegaram às mãos da investigação. O conteúdo original teria cerca de sete minutos, mas não foi entregue ao seu advogado