Terça-feira, 24 de setembro de 2019

Minha musa - Adail Alencar

Publicado em: 12/06/2019 às 13h46


Adail Alencar, poeta e escritor

 

Minha musa tem o seu poeta e a minha emoção,
ofereço meu amor em uma bandeja de prata,
faço meus versos com muita paixão,
mesmo o amor não sendo uma ciência exata.

Mesmo assim esse amor é dela,
e minha poesia flui pelo ar,
mesmo sendo uma poesia singela,
meus versos conjugam o verbo amar.

Mas o meu amor é forte e lindo,
e a minha musa é muito amada,
quando a vejo sorrindo,
semeio de flores a sua estrada.

O meu amor é uma doce magia,
que pra ela ofereço a cada momento,
é dedicado com muita ternura todo dia,
como é lindo esse sentimento!

Bom dia minha musa amada,
pra você doei o meu coração,
minha poesia pra você é ofertada,
pois você é feita de emoção.

João Pessoa, 12-06-2.019. 11:42 hs.

DESEJOS DE UM POETA SONHADOR

Queria ser um artesão para emoldurar o seu coração junto ao meu.
Queria ser também um pintor para desenhar os caminhos para a sua felicidade.
Queria ser um melhor poeta para reescrever os sonhos que perdeu.
Queria ser um mágico passarinho pra saciar a nossa saudade.

Queria ser um cantor para ecoar a minha voz no seu ouvido,
queria ser um músico para dedilhar lindas canções,
queria acariciar o seu corpo e recuperar o tempo perdido,
queria te amar e te oferecer as minhas emoções.

Queria sonhar junto com você o mesmo sonho,
queria o nosso corpo se amando abraçado,
você é a razão dos versos que componho,
e te dizer coisas lindas passeando ao seu lado.

Queria iluminar o seu caminho com a estrela mais brilhante,
Queria que fosse contado do nosso amor uma história,
quero te amar para sempre, a cada instante,
quero te ter sempre na minha memória.

Quero te oferecer um amor tão lindo,
mesmo em sonhos você pode me amar,
quero te ver linda sorrindo,
quero meu amor, ser o brilho do seu olhar.